Os bons vivant ao nosso lado

cigarra_e_formigaSempre escutei dos antigos as frases “Enquanto houver cavalos, São Jorge não anda a pé”, ou ainda “O mundo é dos espertos”. Confesso que nunca dei muita bola para isso pois o vigor da juventude e a vontade de executar sempre andavam à frente. Com o passar do tempo percebemos que estamos cheios de aproveitadores ao nosso lado, pessoas que não tem o mínimo de consideração e/ou amor por você. Bons vivant que aproveitando suas vidas acabam sobrecarregando a vida dos outros. Eles despertam em nós sentimentos que provavelmente não fazem parte da nossa vida cotidiana que são a raiva e a sensação de trouxa (Sinônimos de trouxa podem ser mané, idiota, otário, bobo, etc.). Ficam muitas perguntas. Talvez uma das primeiras é: Temos amor próprio?

Publicado em Reflexões | Marcado com , , | Deixe um comentário

O homem, um ser estranho

pensarA verdade mais simples sobre o homem é que ele é um ser muito estranho; quase que no sentido de ser um estrangeiro na terra. Com toda a sobriedade, pode-se dizer que ele tem bem mais da aparência externa de alguém a trazer hábitos estrangeiros de uma outra terra do que da aparência de mero desenvolvimento desta terra. Ele tem uma vantagem injusta e uma desvantagem injusta. Ele não pode dormir só com a sua própria pele; ele não pode confiar em seus próprios instintos. Ele é ao mesmo tempo um criador movendo as suas mãos e dedos miraculosos e uma espécie de aleijado. Ele está enrolado em ataduras artificiais chamadas roupas; ele está escorado em muletas artificiais chamadas mobília. A sua mente tem as mesmas liberdades duvidosas e as mesmas limitações selvagens. Único entre todos os animais, ele é sacudido com a bela loucura chamada riso; como se ele tivesse percebido algum segredo na forma mesma do universo, escondida do próprio universo. Único entre todos os animais, ele sente a necessidade de desviar os seus pensamentos das realidades básicas de sua existência corporal; de escondê-los como se na presença de alguma possibilidade mais alta que cria o mistério da vergonha.

G. K. Chesterton

Publicado em Reflexões | Deixe um comentário

Pastorado feminino

Na minha perspectiva a ordenação de mulheres ao pastorado é uma significativa distorção teológica. Lamentavelmente  tenho  visto nos últimos anos inúmeras igrejas consagrando mulheres ao ministério pastoral. Isto posto, gostaria de forma prática e objetiva elencar sete motivos porque  não creio em mulheres pastoras:

1- As Escrituras não referendam a ordenação de mulheres ao ministério pastoral. Não vejo na Bíblia nenhum texto que apoie a ordenação feminina ao presbiterato.

2-  Jesus não chamou apóstolas entre os doze. Todos os apóstolos escolhidos por Jesus eram homens.

3- As Escrituras não defendem o igualitarismo e sim o complementarismo. Continuar lendo

Publicado em Estudo bíblico, Teologia | Marcado com , , | Deixe um comentário

Fé e razão

Fé e razãoQualquer debate sobre fé e razão deve fazer a seguinte pergunta: “O que é fé?”. A resposta bíblica, de acordo com o autor de Hebreus, é que fé é a garantia do que se espera e a prova do que não se vê (Hb 11.1). O autor de Hebreus prossegue dizendo que pela fé podemos entender que o mundo foi formado pela Palavra de Deus. A primeira coisa que podemos observar nessa declaração é que a fé é algo substancial, não efêmero. Em segundo lugar, ela representa um tipo de evidência; ela é a evidência de algo que não pode ser visto. Continuar lendo

Publicado em Reflexões | Marcado com , | Deixe um comentário

Minha retrospectiva.

jesus-o-bom-pastor

O Senhor foi o meu pastor, em nada senti falta. Ele me fez deitar em pastos verdejantes, guiou-me mansamente a águas tranquilas. Refrigerou a minha alma, guiou-me nas veredas da justiça por amor do seu nome. Ainda que eu andei no vale da sombra da morte, não temi mal algum, pois Ele esteve comigo, a sua vara e o seu cajado me consolaram neste ano de 2016.

Que sua misericórdia, seu amor, sua graça esteja comigo no ano de 2017.
Soli deo glória.

Publicado em Mensagens, Reflexões | Marcado com , | Deixe um comentário

Desiludido e Feliz: Confissões de um cristão.

desilusãoCreio que deva começar esclarecendo meu conceito de desilusão, antes que alguém o interprete como fracasso, desistência ou desânimo. Muito pelo contrário. Na verdade a palavra desilusão implica o fracasso da ilusão, ou seja, a libertação de um estado de ilusão no qual um indivíduo se encontra. Neste sentido a ilusão tem sempre um caráter de maldade e a desilusão é sempre benéfica. Jesus disse: “e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8.32). Eu acredito que o conhecimento da Verdade (o próprio Filho de Deus), rompe as trevas de nossas ilusões, nos desilude, nos mostra a dimensão do real e nos faz alegrar com o mesmo. O problema relacionado à desilusão é a reação do desiludido em face da mesma. A minha é de felicidade e gostaria de compartilha-la com você. Continuar lendo

| Deixe um comentário

Quando Deus negou Jesus.

agonia no jardimQuem não chora, não mama, né? No mínimo é isso que escutamos hoje em dia por aí. E muitas vezes esse ditado tem se mostrado verdadeiro. Pedimos bastante durante o nosso dia e, especialmente, pedimos muitas coisas para Deus. Sendo honestos ao nos avaliarmos, a maioria das coisas que pedimos para a nossa própria satisfação, são pedidos egoístas. E para sermos bem sinceros, não gostamos muito de sermos contrariados e de recebermos um não.

Nesses dias parei para pensar se Cristo também pedia as coisas como a gente pede. A princípio não me parece que Cristo pedia muito. Especialmente coisas para si mesmo. Nos evangelhos, de vez em quando vemos Jesus pedindo para que Deus cure ou ressuscite alguém, mas nunca pedindo algo que viria a beneficiá-lo. O foco maior de Cristo sempre foi o bem das pessoas a sua volta e nunca Ele próprio. Continuar lendo

Publicado em Reflexões | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Pare o mundo que eu quero descer …

Stop-The-World-I-Want-To-Get-OffQue as coisas aqui neste ínfimo ponto celeste no universo já não estão indo bem, todos nós já sabemos. Já não é mais possível abrir um jornal, ler uma revista, conversar com algúem, sem receber tanta notícia estranha, tantas catástrofes, tanta hipocrisia, tanta involução.

É como se o homem já não fosse somente mais a imagem do lado de fora. Não sei se felizmente ou infelizmente estamos expondo publicamente e aos quatro ventos o homem pelo lado reverso. Entranhas de um ser moralmente corrupto e deformado pelo pecado. Miolos e tripas cheias de excremento expostas a luz do sol, o pior de nós mesmos, raça dita humana, não mais como acontecimentos singulares para uma manchete, mas como nosso cotidiano. É só lembrar da velha letra da canção … Continuar lendo

Publicado em Reflexões | Marcado com , , | Deixe um comentário

Com o suor do teu rosto …

suando no trabalhoA primeira distorção provocada pelo pecado refere-se ao trabalho penoso “… maldita é a terra por sua causa; com sofrimento você se alimentará dela todos os dias da sua vida. Ela lhe dará espinhos e ervas daninhas, e você terá que alimentar-se das plantas do campo. Com o suor do seu rosto você comerá o seu pão, até que volte à terra, visto que dela foi tirado; porque você é pó e ao pó voltará.” – Gn 3:17-19

Eu gosto de que faço. A arte de transformar uma barra, chapa ou fundido em uma peça pronta que move locomotivas, tratores, máquinas de mineração, automóveis e tantas outras aplicações que seria impossível de listar aqui, também me move. É este amor pela arte de transformar que me faz levantar cedo nestes últimos vinte e sete anos, perder algumas vezes o sono buscando e encontrando soluções. Continuar lendo

Publicado em Mensagens | Marcado com , , | Deixe um comentário

Ele vos vivificou, estando vós mortos …

mortos“Ele vos vivificou, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados, nos quais outrora andastes, segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos de desobediência, entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como também os demais. Mas Deus, sendo rico em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou, estando nós ainda mortos em nossos delitos, nos vivificou juntamente com Cristo – pela graça sois salvos” Efésios 2:1-5

“A graça precede a toda boa obra, e isso com a vontade como acompanhante, não como conducente; serva que segue, não guia indo à frente.” Citação de Agostinho na obra de Calvino.

Publicado em Reflexões | Marcado com , ,

Sustentando todas as coisas pela Palavra do seu poder

Falam que ciência e religião não se misturam. Discordo plenamente. Quando tenho oportunidade de contemplar o espaço exterior, vendo neste caso uma pequena parte do macro, ou para o espaço interior vendo uma pequena parte do micro, não consigo conceber que tudo é mera obra do acaso, pelo contrário, fico extasiado pois descubro um pouco mais de Deus. Um Deus de física, química, matemática, biologia! Um pequeno exemplo é o vídeo deste post. “… sustentando todas as coisas pela Palavra do seu poder”. Hebreus 1,3

É o caos sobre controle.
No nosso sol (como tantos outros milhares de sóis no universo), milhões de explosões termonucleares, emissão de n-tipos de radiação, mas soberanamente em sua órbita, enviando na medida certa luz e calor para a Terra, sendo portanto, parte da maravilhosa cadeia que gera o sustentáculo de vida.
Só posso dizer mais uma coisa: “Soli Deo Gloria”.

Publicado em Reflexões | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Quanto tempo durará a última hora de Deus?

tempoFilhinhos, já é a última hora …” 1Jo2,18.
Sabemos que parece que esta hora tem durado muito tempo pelo fato que João escreveu estas palavras há 1950 anos atrás.
Podemos estar certos de uma coisa: se era a última hora, certamente muito mais agora.
Se o Apóstolo João estivesse escrevendo hoje, provavelmente escreveria: “Filhinhos, este é o último minuto da última hora …”

Publicado em Reflexões | Marcado com , | Deixe um comentário

Qual o tamanho do inferno?

infernoVocê sabe qual o tamanho do inferno? Eu não sei. O que sei é que ele fica maior a medida que eu e você não compartilhamos Jesus Cristo.
Porquanto o Filho do homem veio buscar e salvar o que estava perdido”. Lucas 19,10

Publicado em Escatologia, Reflexões | Marcado com | Deixe um comentário

Livramento

assaltoHoje completa quatro anos que passei por uma experiência que milhares de brasileiros já passaram – o assalto. Estava no fim da tarde buscando o pãozinho de cada dia, quando próximo ao caixa da padaria um rapaz anunciou o assalto. No momento chovia muito forte, estava ao celular avisando minha esposa que demoraria a chegar em casa por causa da forte chuva, o ladrão tomou o celular da minha mão, pediu o dinheiro da minha carteira e depois foi assaltar o caixa.

Nunca senti uma calma tão grande! Sei que é uma situação estressante, mas a todo momento pedia calma ao bandido, mesmo ele gritando que ia atirar, pedia sempre calma! Quando ele tomou o celular da minha mão este caiu ao chão e desmontou, pedi calma, falei que montaria o celular. Montei o celular e entreguei. Continuar lendo

Publicado em testemunhos | Marcado com , | Deixe um comentário

Glória

GloriaO seminário tem sido um tempo gratificante na minha vida. Nas aulas de louvor e adoração temos a oportunidade de explorar este tema na bíblia e historicamente. Esta semana iniciamos o estudo sobre a música na igreja ao longo da história, período patrístico, na idade média e renascença.
(1) Desde seu surgimento que a música cristã foi uma oração cantada, que devia realizar-se não de forma puramente material, mas com devoção ou, como dizia Paulo: “Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração; dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo.” Efésios 5:19-20. Continuar lendo

Publicado em Teologia | Marcado com , | Deixe um comentário

“Tulip” – Os cinco pontos do Calvinismo

Synode_te_DordtrechtO objetivo deste artigo é esclarecer de forma simples quem de fato escreveu os chamados “cinco pontos do Calvinismo”, por qual razão e porque eles são “cinco pontos” ao invés de mais, além disso, destacar a sua relevância para a teologia.

A) Autoria:
Ao contrário do que muitos pensam, não foi João Calvino quem escreveu “Os cinco pontos do Calvinismo”. Talvez algumas pessoas ficarão impressionadas com esta afirmação. No entanto, a magna pergunta que se faz é: Se não foi Calvino, quem foi então?

Continuar lendo

Publicado em Pesquisa, Teologia | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Quero trazer a memória aquilo que pode me dar esperança.

caminho_emausEsta semana no grupo familiar foi totalmente atípica. Primeiro, em reconhecermos as nossas falhas na condução deste importante tempo que separamos para promover a Palavra de Deus. Segundo, compartilhamos algumas situações que podem mudar esta situação. Terceiro, lembramos que a vida do crente e de Deus dentro d’ele deve ser como o episódio da sarça ardente em Ex 3:2. O fogo de Deus deve queimar em nós mas não nos consumir.

Nós estamos consumidos, sem energia, desanimados, fracos, despreparados, cabisbaixos, derrotados, tristes. Isto é terrível. Vale lembrar do episódio dos discípulos no caminho de Emaús em Lc 24:13-36. Como é interessante a pergunta que Jesus fez: “De que estais falando pelo caminho, e por que estais tristes?” A vida Cristã é assim? Quantas vezes os problemas e desolações se tornam tão grandes que nos sentimos totalmente desesperados. Esta situação tira de nós algo muito precioso, a confiança em Deus. Continuar lendo

Publicado em Reflexões | Marcado com , , | Deixe um comentário

Por que as atitudes da pessoa que amamos nos irritam?

casal_brigandoÉ estranho e paradoxal. Ao mesmo tempo em que amamos uma pessoa, com o passar do tempo as suas atitudes passam a nos irritar e nos incomodar demais. Perdemos a paciência facilmente e passamos a tratá-la com grosserias, pouca compreensão e até uma certa raiva.

Com algumas pessoas ou colegas de trabalho parece não acontecer o mesmo! Costumamos ter mais cautela e medir mais as palavras na hora de expressarmos algum descontentamento. Mas com a pessoa amada, rasgamos o verbo, xingamos e até ofendemos. Por que?

Carl Jung, um dos precursores da psicanálise, já defendia a ideia de que qualquer relacionamento íntimo e constante é o tipo de relação na qual mais rapidamente podemos enxergar nossos próprios defeitos, ou seja, a convivência com a pessoa amada é uma relação tão íntima, tão profunda e tão reveladora que, aos poucos, esta pessoa passa a “apontar” – consciente ou inconscientemente – nossas maiores limitações. E, convenhamos: isso é realmente irritante! Continuar lendo

Publicado em Reflexões | Marcado com | Deixe um comentário

Juro dizer a verdade, somente a verdade, nada mais além da verdade.

mao-sobre-a-bibliaComo é célebre a seguinte frase dos filmes e na vida real: “Juro dizer a verdade, somente a verdade, nada mais além da verdade”. Não sou e não quero ser entretenedor. Esta Palavra tem queimado em meu coração. Somos chamados a proclamar a verdade.
Então entrou em mim o Espírito, quando ele falava comigo, e me pôs em pé, e ouvi o que me falava. E disse-me: Filho do homem, eu te envio aos filhos de Israel, às nações rebeldes que se rebelaram contra mim; eles e seus pais transgrediram contra mim até este mesmo dia. E os filhos são de semblante duro, e obstinados de coração; eu te envio a eles, e lhes dirás: Assim diz o Senhor DEUS. E eles, quer ouçam quer deixem de ouvir (porque eles são casa rebelde), hão de saber, contudo, que esteve no meio deles um profeta. E tu, ó filho do homem, não os temas, nem temas as suas palavras; ainda que estejam contigo sarças e espinhos, e tu habites entre escorpiões, não temas as suas palavras, nem te assustes com os seus semblantes, porque são casa rebelde. Mas tu lhes dirás as minhas palavras, quer ouçam quer deixem de ouvir, pois são rebeldes. Mas tu, ó filho do homem, ouve o que eu te falo, não sejas rebelde como a casa rebelde; abre a tua boca, e come o que eu te dou.” Ezequiel 2:2-8
Publicado em Reflexões | Marcado com , , , , | 1 Comentário

Porque os homens não falam – Parte 2

boca-fechadaSemana passada foi publicado um estudo sobre por que os homens não falam.

  • A primeira coisa que vimos foi que há um desejo entre a maioria dos homens de ser “um homem de verdade”, mas aquilo que geralmente fazemos é ir procurar uma lista de coisas a fazer ou passos a seguir, os quais ajudarão a nos tornarmos homens de verdade. Estamos sempre tentando dar esses passos por contra própria e isso geralmente falha. Concluímos que, para sermos homens de verdade, é preciso preocuparmo-nos menos em seguir uma porção de passos e, ao invés disso, esforçarmo-nos mais para sermos tementes a Deus. Continuar lendo
Publicado em Reflexões | Marcado com , , | Deixe um comentário